BrasilNotícias

BRASILEIRA PODE SER CONDENADA A MORTE NA TAILÂNDIA POR TRÁFICO DE DROGAS

Jovem de 21 anos morava com a mãe e quatro irmãos na cidade de Pouso Alegre, em Minas Gerais

QUEM É MARY HELLEN?

A mineira Mary Hellen Coelho da Silva, de 21 anos, acabou sendo detida na Tailândia sendo suspeita por tráfico internacional de entorpecentes e pode ser condenada a pena de morte, devido as enérgicas leis locais.

A jovem é nascida no Rio de Janeiro, Mary como é chamada por familiares e amigos, morava com a mãe e mais quatro irmãos em Pouso Alegre, Minas Gerais. De acordo com uma irmã, Mariana Coelho, ninguém na família suspeitava que estivesse envolvida com o tráfico.

PEDIU DEMISSÃO DO TRABALHO

Mary Hellen pediu demissão há alguns dias de uma churrascaria onde trabalhava e viajou para Curitiba. Os parentes acreditavam que iria encontrar algum namorado e não sabiam que havia uma viagem marcada para a Tailândia.

Ainda segundo a irmã, a jovem “é esperta, estudava e fazia aulas de direção” para tirar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação). A família acredita que ela foi enganada ou induzida por traficantes a levar a droga, pois jamais faria o papel de “mula” do tráfico.

Mariana contou que “quase não acreditou” quando recebeu uma mensagem em áudio da irmã desesperada pedindo que encontrasse um advogado para defendê-la.

PRISÃO NA TAILÂNDIA

Mary e outros dois brasileiros foram presos no Aeroporto de Bangkok com 15 quilos de cocaína escondidos em fundos falsos de malas e foram autuados por tráfico internacional.

Em alguns países do leste asiático, como Tailândia e Indonésia, esse crime pode ser punido com pena de morte, dependendo do tamanho da apreensão e outros detalhes da prisão.

OUTROS BRASILEIROS PRESOS

Mary e um brasileiro foram presos primeiro, assim que chegaram de Curitiba. Com eles foram encontrados 9 quilos do entorpecente. Horas depois, outro brasileiro foi preso com 6,5 quilos da droga

A polícia ainda não sabe se os três faziam parte da mesma quadrilha ou se foi apenas uma coincidência. De qualquer modo, todos deverão aguardar julgamento nas prisões tailandesas e, se condenados, podem enfrentar a pena capital.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo