DestaqueNótíciasParaná

DEPUTADA FEDERAL ALINE SLEUTJES PARTICIPA POR TELEFONE DO PROGRAMA J. SILVA

Conhecida na região de Colorado agora como "Deputada da Ponte", Aline conta sua trajetória de vida e o que levou a ajudar a prefeita de Jardim Olinda, Lucimar, conhecida também como "Prefeita da Ponte",

Participou ao vivo por telefone direto de Brasília no programa J. Silva desta segunda-feira (15) a deputada federal Aline Sleutjes, que até então era desconhecida por todos da região noroeste do estado do Paraná, antes de uma ajuda inédita e milionária, à prefeita Lucimar de Jardim Olinda, sobre a reconstrução da ponte, como nós noticiamos aqui no site, e você confere em http://programajsilva.com.br/deputada-desconhecida-na-regiao-libera-recurso-milionario-para-reconstrucao-de-ponte-em-jardim-olinda/?fbclid=IwAR2zNEoPyIdemc3WQMMLCLKI5HQa8dHkowOeIo5orXM1igK8mKgWS-HKNrs

No bate papo com o apresentador J. Silva, a deputada contou sobre sua trajetória na vida política na cidade de Castro, região dos Campos Gerais, até chegar finalmente em Brasília. Aline Sleutjes nasceu em Castro, região de Ponta Grossa em 26 de julho de 1.979, é agente administrativa, profissional de educação física, professora e política filiada ao PSL, exerce o mandato de deputada federal pela primeira vez.

Descendente de neerlandeses que imigraram para o Brasil em  1949,  seus avós paternos, Maria Anna van der Heijden e Adrianus Martinus Sleutjes, junto com outras famílias holandesas, estabeleceram-se na colônia de Holambra na região de Campinas, em São Paulo. Em 1953 a família Sleutjes fixou residência na região dos Campos Gerais, no município de Castro, no Paraná, dedicando-se a agricultura e a pecuária.

Aos oito anos de idade, Aline já ajudava na vocação familiar, ajudando o pai, que é holandês, a entregar leite nas redondezas. De 14 para 15 anos foi secretária de uma academia, sendo o seu primeiro emprego de fato e já na época do colegial foi presidente do grêmio estudantil.

Em 1997 Aline formou-se em educação física na universidade de Ponta Grossa, e 2012 concluiu a pós-graduação em Gestão Escolar, No âmbito profissional foi coordenadora do Departamento de Esporte e Lazer, na Prefeitura Municipal de Castro, de 2000 a 2004, foi também coordenadora e diretora da Escola Nova Geração, de 2009 a 2012, e diretora do Colégio Sepam, de 2016 a 2017, ambos na cidade de Castro; e ainda assessora parlamentar, sendo chefe de gabinete do deputado estadual Ricardo Arruda.

No ano de 1998 Aline Sleutjes iniciou sua trajetória política nas eleições municipais de 2000 quando candidatou-se à vereança em Castro, mas não obteve êxito Aline foi eleita vereadora nas eleições municipais de 2004. Para as eleições de 2008 candidatando-se a vice-prefeita e tendo a empresária e agropecuarista, Maria Helena de Albuquerque como candidata a prefeita

Nas eleições municipais de 2012, foi eleita a vereadora mais votada em Castro, Aline foi também candidata a deputada estadual também pelo PSDC nas eleições estaduais de 2014 e acabou não sendo eleita, embora tenha sido a mais votada do partido e da coligação, e segundo ela, foi uma enorme decepção, ser vencedora e não poder levar o troféu pra casa.

Nas eleições municipais de 2016, candidatou-se a prefeita tendo como candidato a vice Régis Moreno ficou na terceira colocação, com 9 mil votos, porém, em 2018 foi eleita deputada federal, alcançando 33.628 votos (0,59% dos válidos), na coligação PSL/PTC/PATRI, sendo a única mulher eleita pelo seu partido no estado e pela coligação. Defendendo uma pauta conservadora, tomou posse em 1º de fevereiro de 2019. Já no dia 28 de maio assumiu como vice-presidente do PSL Mulher.

Aline conta que está há 20 anos no meio político, e como deputada federal, se sente honrada em representar o povo paranaense, não só os campos gerais que é sua origem, mas todo o Paraná. Ao ser questionada sobre a profissão de professora, a então deputada relata que nestes vinte anos, por alguns momentos conseguiu exercer a profissão de educadora, mas sempre fez uma opção, que quando eleita, deixava a profissão de lado e se dedicava 100% ao mandato político, sempre à favor da população, e que não consegue conciliar todas as coisas, e hoje como deputada, fica até 15 dias longe de casa, sem ver as três filhas que estão em Castro, mas que é um preço à ser pago para o bem de toda a comunidade.

Aline se emociona ao falar do sonho em ser política, se considera uma escolhida por Deus, para ser deputada federal. 

Chegar em Brasília como eu cheguei, sem dinheiro, sem apoio, sem nenhum prefeito, sem nenhum vereador, sem fundo partidário, sem tempo de rádio e tv. Mas nunca me faltou três coisas: amigos, fé e Deus, e eu tenho certeza que o propósito de Deus é este. 

Deputada de primeiro mandato, Aline conta ainda que se sentiu muito frustrada por ter ganho a eleição de deputada estadual e não ter conseguido assumir por conta de legenda, e tinha enfrentado uma campanha muito difícil. Aline percorreu dezenas de municípios sem nenhuma estrutura, nem dinheiro, sozinha e contando apenas com o apoio de amigos, colaboradores e pessoas voluntárias.

Quando Aline recebeu o convite do PSL, ela contou que era a sétima eleição a ser concorrida sem nenhum dinheiro, e sem esperanças. Aline ao ver a lista, viu que era em sua região poucos que dispuseram seus nomes ao cargo federal, e que era única mulher, foi quando se sentiu tocada em enfrentar mais este processo eleitoral.

Foi uma campanha muito dura, confesso que teve dias em que passei fome, não tinha mais dinheiro nem para comprar alimento, houve dias em que dormi no carro, pois não tinha dinheiro para pagar um hotel, fiz campanha em mais ou menos 53 municípios, mas tive votos em 370 cidades, e com a graça de Deus estou em Brasília hoje.

Aline defende agropecuária, educação e deficientes, bandeiras que a deputada batalha em Brasília.

PONTE DE JARDIM OLINDA

Durante a entrevista, o comunicador J. Silva abordou o assunto da ponte que foi levada pelas forças das águas em Jardim Olinda no ano de 2016. O radialista descreve a prefeita Lucimar como uma heroína, que desde a época, luta para a reconstrução da ponte, conhecida como a “prefeita da ponte”, viajava constantemente para Curitiba e Brasília atras de recursos, e portas eram fechadas. Foi quando encontrou a deputada.

A deputada conta que se identificou com a prefeita, pois sendo professora também, viu o sofrimento nos olhos da administradora de Jardim Olinda, se comoveu com a história contada e resolveu ajudar. A deputada comenta que os 2 milhões encaminhados a Jardim Olinda, poderia ser distribuído em dez municípios, mas se comoveu com o choro, desabafo e anos de caminhada descritos pela prefeita e encaminhou a ajuda, o que se tornou festa em toda a região.

Aline conta que além das ajudas encaminhadas para a ponte, outros recursos foram encaminhados para vários municípios da região, somando um montante de R$ 2.398.000,00, sendo;

Jardim Olinda: Prefeita Lucimar – R$ 2.170.000,00;

Itaguajé: Prefeito Juninho – R$ 250.000,00;

Santo Inácio: Prefeito Júnior Venceslau – R$ 200.000,00;

Nossa Senhora das Graças – Prefeito Chico Marata – R$ 228.000,00;

Flórida: Prefeita Márcia Dalago – R$ 150.000,00;

Loanda: Prefeito Sargento Santos – R$ 150.000,00;

Angulo: Prefeito Rogério – R$ 250.000,00;

Atalaia: Prefeito Fábio – R$ 250.000,00;

Cruzeiro do Sul: Vereador Gordo/Prefeito Ademir Mulon – R$ 250.000,00;

Munhoz de Melo: Vereador Riva – R$ 100.000,00;

Paranapoema: Vereador Lucas/Prefeita Prof. Leo – R$ 300.000,00;

Centenário do Sul: Prefeito Nicácio – R$ 100.00,00.

A liderança política atuante na região de Colorado, fica por conta do jovem Deyvidy, morador de Nossa Senhora das Graças. Foi ele que, conhecido há longa data pela deputada, abraçou a campanha de Aline e encaminhou a ela todas as necessidades de nossa região. 

A deputada finaliza a entrevista agradecendo ao público da região, pedindo para que as pessoas acompanhem seu trabalho em Brasília, se manifestem através das redes sociais, e coloca seu gabinete à disposição, pois promete fazer a diferença, um mandato à serviço do povo, sem olhar onde recebeu votos, ou não.

Abaixo a entrevista com a deputada Aline Sleutjes por telefone de Brasília ao Programa J. Silva, na manhã desta segunda-feira 15/07/2019

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar